Header Ads Widget

anigif.gif

QUADRILHA INVADE IMÓVEIS, RENDE FAMÍLIA E EXPLODE DOIS COFRES EM CIDADE DO INTERIOR DO RN


Caso aconteceu na madrugada desta segunda-feira (18) em Rio do Fogo. Polícia Militar busca suspeitos na região.

Uma quadrilha com mais de 10 criminosos invadiu pelo menos duas casas de Rio do Fogo, no Litoral Norte potiguar, na madrugada desta segunda-feira (18). Os bandidos conseguiram arrombar cofres dos imóveis e fugiram em carros roubados. Nenhum suspeito foi preso.

Vídeos registrados por câmera de segurança mostram os suspeitos. Alguns dos homens aparecem segurando armas longas. Veja abaixo.

Testemunhas relataram que os criminosos dispararam vários tiros, para amedrontar a população.


Vídeo mostra quadrilha suspeita de ataques na madrugada desta segunda (18) em Rio do Fogo

O caso aconteceu por volta das 2h. Segundo a PM, os criminosos invadiram a casa da dona da lotéria da cidade e renderam a família. Uma das vítimas ficou ferida levemente, durante o ataque, e foi socorrida ao hospital do município.

Os criminosos levaram dinheiro e jóias do cofre. O dinheiro do estabelecimento comercial também estava no local e foi roubado.

Em outro imóvel, distante cerca de 500 metros, os bandidos invadiram uma casa onde também funcionava um comércio de material de construção, segundo a PM. Os criminosos usaram explosivos para também abrir outro cofre.


Explosão também causou destruição em prédios vizinhos em Rio do Fogo — Foto: Cedida

Os estilhaços dos explosivos atingiram outros imóveis vizinhos, como uma farmácia que ficava em frente à residência.

Após as duas ações, a quadrilha fugiu em pelo menos duas caminhonetes - uma modelo Toro de cor azul e uma Oroch de cor escura - em direção à BR-101.

Suspeitos chegaram a trocar tiros com a Polícia Militar em Ceará-Mirim, mas conseguiram escapar por um matagal.


Um dos carros usados pelos criminosos recuperado pela PM — Foto: Cedida

Os dois carros foram recuperados pela polícia após serem abandonados pelo grupo criminoso.

Segundo a PM, viaturas do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Batalgão de Choque foram acionadas para realizar as buscas.