Header Ads Widget

anigif.gif

FUNDASE ABRE 577 VAGAS PARA CARGOS DE NÍVEL MÉDIO E SUPERIOR; SALÁRIOS CHEGAM ATÉ R$ 3.967,09


Começou nesta terça-feira (19), as inscrições para o concurso público da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fundase). As oportunidades são para nível médio e superior e contemplam as áreas de Psicologia, Serviço Social, Pedagogia, Contabilidade e Análise de Sistemas, além dos cargos de agente socioeducativo, analista socioeducativo administrativo, técnico de nível superior e técnico de nível médio. Ao todo, estão sendo ofertadas 577 vagas, distribuídas entre Natal/Parnamirim, Mossoró e Caicó. A remuneração é de até R$ 3.967,09. A inscrição pode ser realizada até o dia 11 de agosto.

Estão entre os requisitos para participar da seleção ser brasileiro, ter completado 18 anos na nomeação ao cargo; estar em pleno exercício dos direitos políticos; declarar o exercício ou não de cargo, emprego ou função pública nas esferas estadual, municipal ou federal e estar em dia com as obrigações eleitorais.

Inscrição

As inscrições são realizadas por meio do site do Intituto aocp. No momento do cadastro, o candidato deve preencher um formulário, optar por uma das cidades disponíveis para realização das provas (Natal, Mossoró e Caicó) e, no caso de candidatos sem direito a isenção, imprimir o boleto bancário e realizar o pagamento. A taxa é de R$ 80,00 para cargos de nível médio e R$ 120,00 para nível superior.

Para os candidatos com direito à isenção da taxa, como é o caso dos inscritos no cadastro único, a solicitação de isenção deve ser feita até o dia 21 de julho por meio do site do Instituto aocp.

Seleção

O processo de seleção será realizado em diversas etapas, conforme cronograma. As provas objetivas e discursivas serão aplicadas nos municípios de Natal, Mossoró e Caicó na data provável de 18 de setembro de 2022.

A seleção dos cargos de analista socioeducativo, analista administrativo e técnico de nível superior contará com provas objetiva (conhecimentos gerais e específicos) e discursiva, de avaliação de títulos, investigação social e exame toxicológico.

Já os futuros agentes socioeducativos passarão pelas mesmas etapas, mais teste de aptidão física e curso de formação. O certame para os cargos de técnico de nível médio, entretanto, terá apenas prova objetiva, investigação social e exame toxicológico.
O concurso tem prazo de validade de dois anos a contar da data de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período a critério da Secretaria de Estado da Administração da Fundação de Atendimento Socioeducativo. Para outras informações, acesse o edital.