Header Ads Widget

728x90cm-CELULAR

Walter Alves será o vice de Fátima; anúncio deve ser feito esta semana


Já está praticamente certo que o presidente estadual do MDB, o deputado federal Walter Alves, será o vice na chapa da governadora Fátima Bezerra (PT), para as eleições de outubro. O anúncio oficial deverá ser feito pela petista ainda esta semana. Assim, completa-se a chapa majoritária encabeçada pela gestora. A definição de Fátima atende a um pedido feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que deseja o MDB em seu palanque apoiando sua candidatura à Presidência da República.

Conforme informações colhidas pelo AGORA RN, Lula teria mostrado à Fátima a importância do apoio político eleitoral do MDB para que as eleições de outubro deste ano sejam vitoriosas para os petistas no Rio Grande do Norte e a participação de Walter na chapa majoritária seria essencial para o sucesso. Coube ao chefe do Gabinete Civil do Estado e articulador político da governadora, Raimundo Alves, informar a Walter que ele será o vice-governador do RN.

Enquanto isso, a oposição bolsonarista potiguar continua patinando em busca de um nome de peso político que possa rivalizar e principalmente, ameaçar a possível reeleição da gestora petista. Pelo que os potiguares têm acompanhado com as últimas pesquisas eleitorais de intenção de votos no Estado, caso não ocorra uma reviravolta nos próximos meses, a probabilidade de Fátima ganhar a eleição sem muito esforço é grande.

Em entrevista recente ao AGORA RN, Raimundo Alves admitiu que os diálogos entre Fátima Bezerra e Walter Alves, sempre com a presença experiente e sorridente de seu pai, o ex-senador Garibaldi Alves Filho, não haviam se encerrado e continuavam firmes.

“Até o momento, não fomos comunicados pelos deputados Ezequiel Ferreira e Walter Alves, ambos presidentes dos seus respectivos partidos no Rio Grande do Norte, que eles formariam uma chapa da oposição à Fátima. Portanto, não fomos informados sobre a interrupção dos diálogos que estamos mantendo”, afirmou, na época.

E ressaltou que a governadora continua aberta aos diálogos e às negociações com os partidos aliados. “Estamos aguardando uma decisão por parte de Ezequiel e Walter. Eles precisam dizer se estão encerradas as nossas conversas. Até porque o respeito, sinceridade e franqueza são essenciais entre os interlocutores para que haja credibilidade no diálogo”, afirmou.

Ezequiel desmente “desistência”

Não se pode desistir do que nunca se cogitou ser ou ter. Com esse entendimento, o presidente estadual do PSDB, deputado estadual Ezequiel Ferreira informou que não procede a informação que circulou em blogs e bastidores da política do Estado nesta segunda-feira 4, que ele teria desistido de ser vice-governador de Fátima, porque o tucano nunca anunciou publicamente que seria candidato ao cargo. Muito menos, que iria disputar o cargo de governador contra Fátima Bezerra.

Um possível rompimento com a gestora petista, que foi muito alardeado nas últimas semanas, dando conta de que Ezequiel Ferreira teria se debandado para o lado da oposição e já estaria próximo de anunciar o feito, também foi descartado pelo tucano, que deve mesmo se dedicar aos trabalhos em busca de sua reeleição como deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa.