Header Ads Widget

728x90cm-CELULAR

Quase 100 mil jovens solicitaram o título de eleitor na última semana


O TSE anunciou que na última semana foram emitidos 96.425 novos títulos em todo o Brasil e no exterior para jovens com 15 a 18 anos. 

Diante do baixo número de adolescentes que buscaram tirar o título de eleitor até o começo do mês, o TSE inaugurou campanha e, por meio de posts nas redes sociais, artistas como a Anitta, Juliette, Gil do Vigor e até o internacional Mark Ruffalo – que interpreta o Hulk nos cinemas – se mobilizaram para chamar a atenção dos jovens.

A estratégia deu frutos. Segundo o levantamento do Tribunal eleitoral, a procura foi maior entre as mulheres: 52.561 pessoas do gênero feminino solicitaram a emissão do título, enquanto 43.864 homens buscaram pelo serviço. Neste período, as faixas etárias que registraram os melhores índices foram as de jovens com 18 e 17 anos, respectivamente.

A distribuição do primeiro título por faixa etária ficou configurada da seguinte forma: 4.387 mil títulos oferecidos a jovens de 15 anos (que completam 16 anos até dia 2 de outubro, data do primeiro turno das Eleições Gerais de 2022); 22.934 mil títulos para adolescentes com 16 anos; 33.582 mil títulos para pessoas com 17 anos; e 35.522 mil títulos para cidadãos com 18 anos.

Com relação à data dos pedidos, os dados mostram um aumento da procura pelo documento ao longo da semana, com o ápice alcançado na última quinta (17): foram 17.805 mil títulos no primeiro dia da campanha, 14 de março; 18.578 mil em 15 de março; 19.786 mil no dia 16 de março; 22.407 mil em 17 de março; e 17.849 mil no último dia, 18 de março.

Os Estados mais engajados na campanha foram São Paulo, Minas Gerais e Bahia. Roraima, Rondônia e Amapá foram as unidades da federação com a menor quantidade de pessoas entre 15 e 18 anos que buscaram a Justiça Eleitoral para tirar o primeiro título. Trinta jovens se alistaram para votar no exterior.

Informações: TSE.