Header Ads Widget

728x90cm-CELULAR

GUAMARÉ GASTA METADE DAS RECEITAS COM SALÁRIOS


MUNICÍPIO ARRECADOU R$ 255 MILHÕES E GASTOU COM A FOLHA SALARIAL R$ 133 MILHÕES

Guamaré e suas proezas: uma cidade rica que gasta metade de sua arrecadação com a folha salarial dos servidores do município, assim reza o portal da transparência daquela cidade. De acordo com o último censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no ano (2021) sua população estava estimada em 16.261 habitantes, com um PIB per capita por habitante de R$ 110.764,00, relativamente pequena diante da grandeza de suas receitas, parte dessa população não se beneficiam desse poder aquisitivo do município, ficando assim nas mãos de uma pequena parcela de seus moradores.

A milionária cidade de Guamaré se destaca no cenário econômico do estado por ser um dos municípios que mais produz petróleo e gás, como também recebe ainda em seu território um polo industrial da Petrobras e a Refinaria Clara Camarão.

De acordo com a previsão das receitas do ano passado, (2021) foram superadas todas as expectativas na administração daquele município, cerca de R$ 196,5 milhões estavam previstos para serem arrecadados no período, mas foi muito além e acabou fechando o ano com um superávit de 30% a mais do esperado. No total foram arrecadados R$ 255 milhões durante o período, com ano base (2021). Ressaltamos que a metade desse valor, ou seja, cerca de R$ 133 milhões foram destinados para pagamentos da volumosa folha salarial dos servidores do município guamareense.

Como o atual prefeito, Arthur Teixeira, enfrentará o desafio para diminuir essa despesa e enxugar a milionária folha salarial dos servidores públicos do município?