Header Ads Widget

anigif.gif

PM prende suspeito de participação na morte de ex-vice-prefeito de Boa Saúde durante assalto a lava a jato em Natal


Suspeito, no entanto, foi liberado após prestar esclarecimentos no Departamento de Homicídios por não haver mandado judicial contra ele e nem a prisão ter sido efetuada em flagrante.

Policiais da Força Tática do 1º Batalhão da Polícia Militar prenderam na tarde desta quarta-feira (12) um homem de 24 anos suspeito de participar do assalto que terminou com a morte do ex-vice-prefeito de Boa Saúde, Pedro Francisco do Santos, de 56 anos. O crime aconteceu em um lava a jato na Cidade Alta, em Natal, no dia 5 de janeiro.

O suspeito foi detido na comunidade do Paço da Pátria, na Zona Leste da capital potiguar, próximo a um campo de futebol. Além dele, outro homem participou do crime - esse segue foragido.

O homem detido foi levado à Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que investiga o crime, e confessou o crime aos policiais, mas acabou liberado após prestar esclarecimentos por não ter sido preso em flagrante, nem haver mandado judicial aberto contra ele.

Acompanhado por um advogado, o suspeito saiu pela porta da frente da DHPP, mas, segundo a Polícia Civil, ele vai responder pelo homicídio porque a investigação continua.

Câmeras de segurança registraram a fuga dos criminosos pelas ruas da Cidade Alta no dia do latrocínio. O suspeito preso é um que aparece de camisa branca nas imagens de segurança e que tem um ferimento no rosto (veja vídeo).


Ativar som

Ex-vice prefeito de Boa Saúde é assassinado

O crime

Pedro Francisco dos Santos, de 56 anos, foi morto a tiros durante um assalto ao lava a jato que era dono no dia 5 de janeiro, na Avenida Deodoro da Fonseca, na Cidade Alta, na Zona Leste de Natal. Segundo a Polícia Civil, ele foi atingido por sete disparos.

A vítima, também conhecida como Pedro Birico, era ex-vice-prefeito do município de Boa Saúde, no interior do estado.

Segundo a DHPP, o caso tem sido tratado como latrocínio (roubo seguido de morte). As investigações apontam que o dono do lava a jato reagiu ao assalto com um martelo e foi atingido pelos disparos dos criminosos. Os bandidos roubaram celulares do lava a jato.


Pedro Francisco dos Santos, o Pedro Birico, de 56 anos de idade — Foto: Divulgação