Header Ads Widget

anigif.gif

Surto de gripe afeta 12 no América


O América teve de modificar os planos de última hora e cancelar um amistoso que seria realizado hoje no CT de Parnamirim. O motivo foi um forte surto de gripe que está se espalhando pelo estado e acometeu doze integrantes do grupo Alvirrubro, inclusive o treinador Renatinho. Agora resta saber como vai ficar o planejamento do clube visando a partida diante do Potyguar de Currais Novos, marcada para o dia 9 de janeiro, no Estádio Coronel José Bezerra.

“Nós estávamos com planos de fazer um amistoso contra a equipe do SEP hoje, mas em decorrência de vários atletas terem sido acometidos por um surto de gripe, por precaução achamos melhor cancelar. Mas de doze jogadores estavam com sintomas, os contaminados sequer conseguiram vir ao treino, inclusive o treinador Renatinho. Então vamos realizar um trabalho com o grupo que restou para na segunda-feira, se Deus quiser com todos recuperados, a gente consiga retomar os trabalhos normais, já visando o jogo de estreia no Campeonato Estadual”, explicou o gerente de futebol Carlos Moura.

A dúvida agora é saber se o treinador considera a realização desse jogo-treino fundamental para preparação final do grupo que ele pretende mandar a campo na estreia do Estadual.

“Vamos analisar com a comissão técnica essa alteração de planejamento, já que a data prevista para o último amistoso seria hoje (ontem), então pretendemos discutir isso com a comissão técnica para avaliar se na preparação ainda há tempo para realizar um outro jogo”, disse.

Os atletas que não foram acometidos pela virose, que está levando milhares de potiguares para as filas de atendimento nas unidades de saúde, fizeram um trabalho especial no CT e o volante Araújo, aproveitou para elogiar a qualidade dos treinos que estão sendo realizados no clube.

"A preparação está intensa, Renatinho é um treinador moderno nessa questão de preparação e estamos buscando aproveitar esse período de trabalho intenso da melhor maneira possível. O futebol mudou bastante, o Nordeste em termos de preparação das equipes, não deixa nada a desejar para os clubes do Sul do país. A intensidade de trabalho aqui é muito forte e quando os grandes clubes querem buscar reforços, estão mirando os jogadores nordestinos justamente porque sabem que ele vai aguentar o tranco. Nossa meta é continuar treinando forte, pois no dia 9 queremos conquistar um bom resultado na estreia do Campeonato Estadual”, destacou.

Apesar de ter atuado na temporada passada numa região de clima mais ameno, bem diferente do verão na capital potiguar, o jogador disse que não vem sofrendo problemas com a adaptação, por já estar habituado com climas quentes.

“Minha base foi feita no Vitória e em relação a essas condições climáticas dentro do Brasil é fácil o atleta se adaptar. Vou completar um mês de América e como também possuo familiares no Rio Grande do Norte, não venho enfrentando qualquer tipo de problema neste sentido”, afirmou.

Quanto a forma de atuar, o atleta garantiu que em qualquer parte do meio-campo que Renatinho desejar que ele atue, estará pronto para cumprir a determinação do comandante americano e para buscar ajudar os seus companheiros da melhor forma possível.

“Gosto de atuar como segundo volante, mas quando fiz a estreia como profissional foi atuando como primeiro homem de marcação do meio-campo.

Geralmente que atua no meio e tem qualidade, pode ser usado em qualquer função que o treinador determinar. Então onde Renatinho necessitar que eu atue vou encarar sem qualquer tipo de receio”, lembrou.

Quanto ao elenco americano, ele acredita que a diretoria do clube foi muito inteligente junto com a comissão técnica, porque da forma como está montado, abriu um leque de opções para Renatinho montar sua equipe.

“Me surpreendi com o América, que era um clube que, confesso, não acompanhava muito. Só passei a fazer isso depois que alguns amigos passaram por aqui e destacaram muitos aspectos positivos. Nosso plantel é jovem, mas o ataque possui atletas experientes e decisivos. Do grupo conheço Wallace Pernambucano, Márcio Mossoró e o próprio Maycon Félix, que possuem uma boa rodagem e, com certeza, vão fazer a diferença para o América durante o Estadual”, frisou.