Header Ads Widget

anigif.gif

Henrique Alves diz que chegou a pensar em suicídio na prisão


O ex-deputado federal e ex-ministro Henrique Eduardo Alves (MDB) afirmou nesta quinta-feira (16) que chegou a pensar em suicídio no período em que estava preso. O ex-ministro ficou preso preventivamente, sem condenação, por 11 meses em Natal por ordem da Justiça Federal, no âmbito da Operação Manus.

Em entrevista ao programa “12 em Ponto 98”, da 98 FM Natal, a 1ª desde que deixou a prisão, Henrique relembrou os 11 meses na cadeia a declarou que sua prisão foi uma “armação” do então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, diante da expectativa de não ser conduzido ao cargo pelo então presidente Michel Temer (MDB), amigo de Henrique.

“Em um momento (pensei em suicídio). Quando foram fazer busca e apreensão na casa da minha mulher e da minha filha”, relembrou o ex-ministro.