PUBLICIDADE

728x90px

"Voto impresso será levado ao Plenário", diz Arthur Lira


Segundo o presidente da Câmara, não há nada mais democrático e representativo do que levar a discussão do voto impresso para a análise dos deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que a discussão sobre o voto impresso será levado para o Plenário. Antes, no entanto, ele afirmou que, na próxima segunda-feira (09), irá discutir o tema com outros líderes da Casa.

Continua após a publicidade

Ainda de acordo com Lira, o voto impresso está pautando o país, algo que considera "injusto". "O Brasil tem enormes desafios, como as reformas tributária e administrativa, questões ambientais, combate à pandemia, avanço da vacinação, além da retomada das condições socioeconômicas. O voto impresso está pautando o Brasil, o que não é justo com o país", disse na tarde desta sexta-feira (06).

Segundo o presidente da Câmara, não há nada mais democrático e representativo do que levar a discussão da voto impresso para o Plenário. "Assistimos a um tensionamento que levam os poderes para muito além de seus limites ", continuou o parlamentar.

Vale ressaltar que, nesta quinta-feira (05), a comissão especial da Câmara dos Deputados rejeitou a Proposta de Emenda à Constituição PEC 135/19 , que tornaria obrigatório o voto impresso. Foram votos 23 contrários ao parecer, ante 11 votos favoráveis.