PUBLICIDADE

728x90px

Companhia faz voo inaugural e inicia operação aérea entre Mossoró e Natal


Aeronave deixou cidade mossoroense às 17h e chegou à capital cerca de 50 minutos depois.

O voo inaugural da rota Mossoró-Natal, anunciado pela Azul em julho, aconteceu nesta segunda-feira (23). O avião decolou do Aeroporto de Mossoró por volta das 17h e chegou no Aeroporto de Natal depois de cerca de 45 minutos.

O previsão era de que o voo saísse às 16h, mas houve um atraso. A aeronave que faz o trajeto tem capacidade para 70 passageiros e estreou com autoridades políticas e da companhia fazendo o trajeto.

A aeronave recebeu um "batismo", com água jogada sobre ela, como tradicionalmente acontece nos primeiros voos. As passagens para o trajeto já estão sendo vendidas.

"Estamos colocando os nossos voos aqui antes de retomar todos os nosso outros voos. isso mostra o quanto acreditamos no RN, em Mossoró. Com esse voo, nós vamos aumentar nossos acentos em 70% no estado. Estamos muito animados", disse o presidente da Azul Linhas Aéreas, Jonh Rodgerson.

"Nós estamos fazendo esse investimento antes da pandemia temrinar. Então imagina o que vai acontecer quando todo mundo estiver vacinado, pronto para voltar a voar. Estamos animados com o futuro", falou.

Voo saiu do Aeroporto de Mossoró — Foto: Reprodução/Inter TV Caugi

Os voos terão a frequência de 3 dias na semana, às segundas, quartas e sextas. Nesses dias, o avião da Azul tem saída prevista do Aeroporto Dix-Sept Rosado, em Mossoró, com destino ao Aeroporto Governador Aluízio Alves, às 16h, e retornará de Natal para Mossoró às 17h40.

"Há uma possibilidade enorme que Mossoró consiga ampliar e fazer com que nós tenhamos mais voos ainda, ligando outras cidades, outras partes do nosso país", falou o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra (Solidariedade).

"Significa priorização do turismo, significa fortalecer o turismo de negócios .que é uma marca forte aqui de Mossoró e ao mesmo tempo fomentar o turismo de lazer no âmbito do polo da Costa Branca. Isso é apostar no desenvolvimento para trazer aquilo que o nosso povo mais precisa, que são empregos", disse a governadora Fátima Bezerra (PT).