PUBLICIDADE

728x90px

Vice-presidente da CPI quer convocar Bolsonaro para depor


Para o senador Randolfe Rodrigues, presidente teve responsabilidade na crise do país

O vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), apresentou nesta 4ª feira (26.mai) um requerimento para convocar o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), para depor ao colegiado.

Segundo o líder da oposição no Senado, "a cada depoimento e a cada documento recebido, torna-se mais cristalino que o presidente da República teve participação direta ou indireta nos graves fatos questionados por esta CPI".

Rodrigues citou alguns episódios como o combate às medidas preventivas, como o uso de máscaras e o distanciamento social; o estímulo ao uso indiscriminado de medicamentos sem eficácia comprovada e à tese da imunidade de rebanho.

"As omissões e falhas do governo federal que contribuíram para o colapso no fornecimento de oxigênio aos hospitais do Amazonas e que levaram ao óbito de centenas de pacientes por asfixia; as omissões do governo federal na aquisição de insumos e medicamentos para as UTIs; as omissões em relação à proteção contra a covid-19 dos povos indígenas e quilombolas", completou.