PUBLICIDADE

728x90px

Trabalhadores da educação são incluídos no grupo prioritário do PNI


O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira (27) durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde.

O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana.

"Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação", afirmou a governadora Fátima Bezerra.

Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular.

Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50...), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN
O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN
O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN
O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN
O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN
O início do processo de imunização contra a Covid-19 dos trabalhadores da educação no Rio Grande do Norte está autorizado. Bandeira defendida pela governadora Fátima Bezerra (PT) desde o início da campanha de vacinação, a medida foi acertada na tarde desta quinta-feira 27 durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartites (CIT) do SUS, que reúne estados, municípios e Ministério da Saúde. O Governo do Estado e a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), que estavam impedidos por uma decisão judicial de incluir ou antecipar grupos prioritários na vacinação contra a Covid-19, agora poderão iniciar a operação do plano que estava marcado para esta semana. “Valeu a luta pela vacinação dos profissionais da educação. Já está previsto para a próxima remessa essa inclusão da categoria da educação. A partir de agora, dentro de cada lote, teremos uma quantidade para vacinar os profissionais da educação”, afirmou a governadora Fátima Bezerra. Os profissionais da educação foram incluídos entre os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19, com percentual de vacinas a serem recebidas já dentro dos próximos lotes para aplicação em paralelo com os demais grupos que estão recebendo os imunizantes atualmente. A autorização inclui trabalhadores da educação dos ensinos básico e superior, tanto da rede pública como da particular. Durante a reunião também ficou acertado que o plano de vacinação contra a Covid-19 deve seguir com um percentual, por faixa etária (59 a 55, 54 a 50…), das seguintes categorias: forças de segurança e forças armadas que não estão atuando na linha de frente da pandemia, trabalhadores do transporte coletivo, do transporte metroviário e ferroviário, do transporte aeroviário, do transporte aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores industriais e de limpeza urbana/manejo de resíduos

Saiba mais em: https://agorarn.com.br/ultimas/trabalhadores-da-educacao-sao-incluidos-no-grupo-prioritario-do-pni/ | Agora RN