Header Ads Widget

728x90px

A Gigante Mercado Livre estampará sua marca nas costas da camisa do Flamengo


Clube carioca foi objeto de disputa entre as gigantes Amazon e Mercado Livre, para estampar sua marca nas costas da camisa. 

Venceu o Mercado Livre. O Flamengo mostrou sua força. Os mais de 40 milhões de torcedores atiçaram dois gigantes. Em plena pandemia, o clube perdeu os R$ 10 milhões anuais que a construtora MRV gastava para estar nas costas de sua camisa.

A reação do clube foi espantosa.

O Flamengo conseguiu nada menos do que aumentar em 50% o valor do patrocínio nas costas da camisa. O clube carioca que teve o patrocínio da Amazon para o jogo único contra o Palmeiras na disputa da Supercopa do Brasil no dia 11 de abril. Na ocasião a equipe rubro negra embolsou cerca de R$ 1,3 milhões de reais. 

A diretoria do Flamengo estava negociando com as gigantes do e-commerce mundial, Amazon e Mercado Livre. Como time grande que é, vence quem oferta o maior valor, a gigante Mercado Livre saiu na frente e ofertou a melhor proposta para equipe rubro negra. 

Com a negociação fechada entre as duas partes, o Flamengo estampará a marca do Mercado Livre nas costas da camisa e receberá cerca de R$ 30 milhões de reais até dezembro de 2022.