» » » Macau desenvolve capacitação para a saúde materno e infantil

Macauense - A cidade de Macau nos últimos 100 dias tem de sediado várias ações de capacitação na saúde pública. Um curso sobre a Rede Cegonha reuniu os técnicos de enfermagem da Atenção Básica da rede do município e ainda das cidades de Afonso Bezerra e Jandaíra. A capacitação aconteceu no Polo da UFRN.

O curso será realizado durante 13 encontros toda sexta-feira, sob orientação da docente Monique Freitas.
A estratégia da Rede Cegonha visa implementar uma rede de cuidados para assegurar às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao puerpério e às crianças o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e desenvolvimento saudáveis.
“O prefeito Tulio Lemos é um entusiasta desse projeto que na verdade é um modelo que garante as mulheres e as crianças uma assistência humanizada e de qualidade, que lhes permite vivenciar a experiência da gravidez, do parto e do nascimento com segurança e dignidade”, declarou a Secretária de Saúde, Lucianny Guerra.

Sobre a Rede Cegonha

A Rede Cegonha objetiva fomentar à implementação de um novo modelo de atenção à saúde da mulher e à saúde da criança com foco na atenção ao parto, ao nascimento, ao crescimento e ao desenvolvimento da criança de 0 a 24 meses;
organizar a Rede de Atenção à Saúde Materna e infantil que garanta acesso, acolhimento e resolutividade e por fim, reduzir a mortalidade materna e infantil.


Macauense

Macauense.com.br
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Macauense.com.br