» » » Preocupado com demissões, prefeito Tulio Lemos conversa com gerência da Salinor em Macau

Foto: Francisco Lima
Macauense - O número crescente de demissões de trabalhadores macauenses na indústria salineira tem despertado a atenção do prefeito Tulio Lemos. O fato levou o gestor a solicitar uma reunião com a direção da Salinor maior empregadora no setor na região salineira do Estado.
Tulio Lemos esteve na sede da empresa, em Alagamar, no início da noite desta terça-feira, 7, acompanhado do Chefe de Gabinete, Bosco Afonso e do Secretário Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, Daniel Dantas. Os três foram recebidos pelo engenheiro e gerente de produção Brunno Souto Figueiredo.
No primeiro momento da reunião, o prefeito Tulio Lemos expos a sua preocupação em relação à onda desemprego e ouviu de Brunno Souto que o fato não é restrito a Salinor. “O preço do sal se estabilizou desde 2012 e a indústria salineira como qualquer outra teve aumentos nos custos de produção, fator que vem provocando demissões, como medida para equilibrar as contas e manter a empresa em atividade”, explicou.
Qualificação
Na conversa entre o prefeito Tulio Lemos e a direção da Salinor também foi discutida a dificuldade de mão-de-obra qualificada no município para preencher vagas na empresa. O prefeito informou da iniciativa da prefeitura nesse sentido, citando como exemplo um encontro que teve recentemente com a direção do SENAI em Natal, para discutir parcerias na formação de mão-de-obra, para atender a demanda local.
Investimentos e perspectivas
Apesar da crise em toda indústria brasileira, a Salinor continua liderando no mercado. Atualmente, a média anual produção de sal marinho da empresa é de 900 mil toneladas ao ano. Para Brunno Souto, existem boas perspectivas, mas para o futuro, já que a empresa passa por investimentos com a construção de uma nova refinaria e ainda deve investir até o final do ano em um setor de moagem de sal com novos empregos na cidade.


Macauense

Macauense.com.br
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Macauense.com.br