» » » Eduardo Lemos discursa no meio dos feirantes no Mercado Modelo

Macauense - O médico cardiologista Dr. Eduardo Lemos fez um discurso contundente hoje (24) no final da manhã no Mercado Modelo, em seu discurso o médico fala dos ataques sofridos a sua família pela chapa adversária com um conteúdo criminoso que colocaram no Whatsapp, e disse "vou até o fim para que os culpados sejam punidos desse ataque covarde sobre a minha família, vou gastar com advogados para resolver juridicamente, vou torrar todo meu dinheiro se for possível para resolver, vou até as últimas consequências". 

Em um tom de desabafo ele falou que sua vida está realizada e que carrega um marco em seus 32 anos de carreira na medicina, é ter sido escolhido aos 30 anos de idade o médico do Papa João Paulo II em uma de suas vindas ao Brasil.

Eduardo, falou ainda sobre as desigualdades na política nos dias de hoje, as práticas dos atuais políticos Macauenses que nos últimos anos deixaram de dar oportunidade ao comércio local, para comprarem fora da cidade beneficiando o comércio externo, com compras duvidosas e sem nenhuma confiabilidade na negociação.

"Oito anos de governo e apenas uma empresa vende remédio, apenas uma, será possivel que nesse estado com tantas empresas será que apenas uma tenha capacidade de vender o remédio"

"Será possível que naquela ocasião no tempo de Zé Oliveira, Kidinho e de Afonso Lemos, eu me lembro do caminhão do lixo da prefeitura, quem cuidava do lixo de Macau, era o povo de Macau, quem executava as obras de Macau, era o própio povo de Macau, isso acabou-se, colocaram empresa de lixo não se sabe o porque" palavras do médico Eduardo Lemos.
Fonte: Macauense

Macauense

Macauense.com.br
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Macauense.com.br