» » » O prefeito interino afirma não sancionará lei para empréstimo dos royalties


Macauense -  A dúvida da população ainda pairá em praças e ruas da cidade, sobre a questão de um empréstimo que anteciparia os rendimentos dos Royalties a prefeitura de Macau. Considerando que o próprio prefeito interino, foi quem derrubou a aprovação do empréstimo do Royalties, alegando que mesmo tendo encontrado as finanças da Prefeitura em estado de calamidade e totalmente deplorável financeiramente, não concordou no momento com o empréstimo que os senhores vereadores já haviam aprovado na gestão Kerginaldo Pinto.

O povo tem essa desconfiança e com toda razão, pois a Câmara, e a Prefeitura, sempre tiveram um comportamento inadequado para os anseios da população. Por esses motivos de não dar importância, e nem satisfação, ao principal interessado que é o povo, nada mais justo de que existam dúvidas sobre a aprovação ou não desta antecipação dos Royalties. 

O adiantamento dos royalties geraria um novo endividamento, o que poderia prejudicar ainda mais as finanças públicas do Município de Macau a longo prazo. “O momento é de arrumar a casa, não de novos endividamentos”.
Einstein Barbosa
Prefeito Interino de Macau
Fonte: Macauense 

Macauense

Macauense.com.br
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Macauense.com.br